Diferenças entre Husky Siberiano e Akita

Quem não se encanta com os olhos de um husky e a pelagem densa de um Akita? Ambos são cães de origem Spitz, considerados cães primitivos. São cães extremamente sensíveis a punições e que devem ser criados exclusivamente com adestramento positivo para serem equilibrados. Mas há diferenças entre o Husky Siberiano e Akita. Vamos entender um pouco sobre a história deles e as diferenças nesse post.

Husky Siberiano

À primeira vista, sua cara de lobo e seu porte podem ser intimidadores. Mas o Husky Siberiano é amigável, gentil e sociável, além de trabalhador.

O Husky Siberiano foi desenvolvido na Rússia, em algum momento da pré-história. Inicialmente usados para caçar e depois começaram a puxar trenós. Mas em 1925, quando uma epidemia de difteria atingiu a cidade de “Nome”, no Alasca, diversos Huskies levaram medicamentos aos moradores da região. Uma viagem que levaria cerca de 25 dias, foi realizada em menos de 6 em condições insustentáveis. 

Desde então, a popularidade e admiração após o ocorrido só aumentou! Mas foi só em 1930 que a raça foi reconhecida oficialmente pelo American Kennel Club. Inclusive existe uma estátua em homenagem ao Husky no Central Park, em Nova York, EUA. O cão chamado Balto, foi um dos responsáveis por liderar os trenós durante a epidemia e ganhou uma estátua em sua homenagem. Um verdadeiro herói.

Cores da Raça

O Husky Siberiano pode apresentar uma ampla gama de cores e combinações, variando do preto até o mais puro branco. Inclusive nessa versão toda branca é quando mais são confundidos com o Akita.

As cores padrão são: branca, branca com preta, uma mescla de cores marrom, amarela e preto, cinza, vermelha e preta. No entanto, existem outras combinações como: marrom e branco, todo preto, cinza e preto, que também são reconhecidas pelo American Kennel Club, mas menos frequente.

Temperamento do Husky Siberiano

Foi criado para trabalhar, atuar em equipe, viver com a família e outros animais. Por isso é extrovertido, amigável e gosta de brincar. Costuma se dar bem com todos e precisa da companhia de outras pessoas e animais, já que não gosta muito de ficar sozinho. 

O husky siberiano também é cheio de energia e aventureiro, aliás, ele era puxador de trenós, lembra-se? rs Por isso, necessita de exercícios intensos regularmente, como passeios, atividades físicas que envolvam enriquecimento ambiental físico e cognitivo para gastar todo o seu potencial e fazer do seu  husky um cão, saudável e feliz.

Akita

A fuça fofa e o porte de cão poderoso vão te conquistar de primeira. Mas acredite: será na convivência que ele ganhará de vez seu coração.

Referência pelo filme “Sempre ao Seu Lado”, não é à toa que a história real de um akita ganhou monumentos, holofotes e filmes graças a devoção ao tutor. O akita desenvolve um grande amor por seus humanos, e só pede em troca carinho, atividade física e muita brincadeira. Ou seja, um pouco de companhia para recompensar o amor mais puro do mundo e profunda lealdade.

O Akita surgiu nos anos 1600, no Japão. Inicialmente a raça era conhecida como “cães das montanhas repletas de neve”. Eles eram usados para caçar e proteger os senhores feudais. 

Em 1937, o Akita se tornou tesouro nacional do Japão, por sua emocionante história de amizade. O Akita Hachiko aguardava seu tutor todos os dias em frente à estação de Shibuya, em Tóquio. E ali permaneceu por anos, sem entender que ele havia falecido.

A raça foi reconhecida oficialmente em 1972 pelo American Kennel Club, depois de quase ser extinta durante a Segunda Guerra Mundial.

Cores da Raça

O Akita apresenta cores vivas e brilhantes como: vermelho-fulvo, sésamo, tigrado e branco. As marcas devem ser equilibradas e apresentar um pelo esbranquiçado nas bochechas, mandíbula, pescoço, peito, tronco, cauda, face e laterais do focinho (exceto se o cachorro for branco).

Temperamento do Akita

A raça é conhecida por ser um excelente companheiro que precisa fazer parte do convívio familiar. Adora a companhia dos humanos e é muito leal, protetor e amoroso com eles.

É um cachorro brincalhão e pode até parecer bobo. Porém, é cheio de personalidade e inteligente, por isso é importante adestrar.

As diferenças entre Husky Siberiano e Akita

As duas raças são muito antigas, mas as origens são diferentes. O Husky Siberiano nasceu na Sibéria do Norte. Enquanto o Akita surgiu no Japão. 

Embora o Akita seja parecido com um cão de trenó, ele é na verdade um cão de guarda, que precisa de um dono firme no comando. Já o Husky possui um temperamento independente e, geralmente, se mostra fã de crianças.

Eles diferem em físico e temperamento. O Akita é um cão maior, além de ser muito leal. Os Huskies são excessivamente amigáveis. Ambos são muito ativos e não querem ficar entediados. Então devem ter algo para fazer sempre, exigindo dedicação em passeios e enriquecimento ambiental por parte dos seus humanos.

Você já conhecia sobre as raças e sabia todas essas diferenças entre Husky Siberiano e Akita? Você tem um preferido? Conta pra gente! E aproveite e conheça também a diferença entre labrador retriever e golden retriever, NESSE POST!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *